A importância do uso de máscara no processo de retomada das atividades

Comfeel Plus Transparente para proteção da pele em risco sob máscaras e óculos.
16 de abril de 2020
Mais de 100 dias depois do 1º caso no Brasil, veja as técnicas mais comuns para ajudar pacientes com Covid-19
18 de junho de 2020

O uso de máscaras se tornou uma parte importante do combate à Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

A eficácia do uso de máscaras está diretamente relacionada aos tipos de máscara usados e o que se quer prevenir, além da sua correta manipulação. Atualmente, diante da pandemia de COVID-19, as recomendações sobre o uso delas acabaram sendo alteradas, de forma que é recomendada a utilização até mesmo de máscaras caseiras, a fim de evitar a propagação da doença.

Nos últimos dias, as máscaras de proteção mudaram o visual de quem circula nas ruas e estabelecimentos do comércio. Já há quem estranhe sair de casa sem o item de proteção. O uso é obrigatório inclusive nas vias públicas e nas diversas modalidades de transporte. De acordo com o decreto, as máscaras devem ser prioritariamente de tecido de algodão, devem cobrir completamente o nariz e a boca e não deixar espaços nas laterais.

Eficácia do uso de máscara de proteção

A eficácia do uso das máscaras está relacionada à escolha adequada do que se quer evitar o contato, a sua manipulação e ao seu descarte correto. É importante também que a máscara seja adequada ao trabalhador, pois uma máscara mal adaptada não impede que ele entre em contato com o agente do qual quer proteger-se. A eficácia das máscaras ainda está relacionada às medidas de higiene, como lavar bem as mãos após retirá-las.

O uso de máscaras e a COVID-19

Diante da pandemia de COVID-19, doença respiratória causada pelo vírus SARS-COV-2, iniciada em março de 2020, houve um aumento no consumo de máscaras de proteção pela população. No entanto, a utilização de máscaras, a princípio, era recomendada apenas para pessoas diagnosticadas com a COVID-19 ou apresentando sintomas da doença, profissionais de saúde e pessoas que trabalham com pessoas enfermas.

Diante do aumento de números de casos e da escassez de material de proteção, como as máscaras, o Ministério da Saúde emitiu novas diretrizes sobre a utilização de máscaras em público, mesmo que por indivíduos que não estejam com sintomas respiratórios, até mesmo porque foi observado que indivíduos assintomáticos, portadores da doença, poderiam transmiti-la a outras pessoas. Entre essas diretrizes, está a utilização das chamadas máscaras caseiras.

Essas máscaras podem ser confeccionadas com tecidos como algodão, tricoline, TNT, entre outros, e devem ser formadas por uma camada dupla de tecido, de forma a fazer-se uma barreira de proteção. É importante destacar que, mesmo podendo ser reutilizada, essa máscara é individual, sendo que cada pessoa, mesmo que pertencente à mesma família, deve ter a sua.

É importante destacar também que a utilização apenas das máscaras não é indicativo de proteção contra a COVID-19. As demais medidas preventivas devem valer, entre elas, lavar frequentemente das mãos e evitar tocar nas mucosas com as mãos não higienizadas. Após retirar a máscara, segurando apenas pelos elásticos ou tiras, se ela for descartável, fazer seu descarte imediato em local adequado e higienizar as mãos. Se a máscara for de tecido, ela deve ser lavada, e as mãos, higienizadas.

Alguns cuidados em relação às máscaras caseiras e à proteção contra a COVID-19:

– As máscaras caseiras podem ser produzidas com qualquer tipo de tecido, devendo apresentar uma camada dupla de tecido e elásticos ou tiras para que possa ser presa acima das orelhas e na nuca, protegendo o nariz e a boca;

– Tenha sempre duas máscaras quando sair, caso uma suje ou fique úmida, a troca deve ser efetuada;

– Chegando a sua casa, lave as máscaras com água e sabão, podendo também ser usada água sanitária, deixando-a de molho nela por cerca de 30 minutos;

– Mesmo que a máscara possa ser reutilizada, ela é de uso individual, ou seja, cada pessoa, mesmo que da mesma família, deve ter as suas.

https://www.biologianet.com/curiosidades-biologia/uso-da-mascara-de-protecao-e-sua-eficacia.htm

https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2020/04/06/pesquisas-atestam-eficacia-de-mascaras-contra-disseminacao-do-coronavirus.htm

https://grupoahora.net.br/conteudos/2020/04/24/uso-de-mascara-ja-e-obrigatorio/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × quatro =